Avaliação de metais pesados e poluentes ambientais no Rio do Sal (Nossa Senhora do Socorro - SE) e seu impacto na saúde humana

Autores

  • Lumar Lucena Alves
  • Luan Lucena Alves
  • Raphaella Ingrid Santana Oliveira
  • Lorena Xavier Conceição Santos
  • Larissa Maria Freire de Melo
  • Stephanie Sophia Rodrigues dos Santos
  • Miryan Santos Silva
  • Mylena Martins Dantas

DOI:

https://doi.org/10.36489/saudecoletiva.2021v11i61p5006-5017

Palavras-chave:

Toxicologia, Análise Ambiental, Metais Pesados

Resumo

O objetivo deste artigo foi analisar metais pesados e poluentes no Rio do Sal e o seu impacto na saúde humana, considerando que moradores de suas margens o utiliza como fonte de alimento, água e lazer. Atualmente um dos problemas ambientais mais comuns é a poluição química decorrente dos despejos residenciais e industriais. Tendo em vista ao tempo que os metais pesados persistem em corpos hídricos, torna-se fundamental uma pesquisa acerca de seus níveis no meio ambiente. O método aplicado foi uma coleta de dados realizada em junho de 2011 as margens do Rio do Sal localizado em Nossa Senhora do Socorro/SE. A análise empregada foi através de Espectroscopia de Absorção Atômica. O resultado demonstrou a presença de metais pesados que ultrapassam o limite máximo permito pelo CONAMA. A conclusão revelou, portanto, que o Rio do Sal é considerado impróprio para consumo humano devido a quantidades elevadas de cobre.

Biografia do Autor

Lumar Lucena Alves

Medical Technologist, Gerald Champion Regional Medical Center - GCRMC, NM, USA, Graduado em Biomedicina, Universidade Tiradentes, Aracaju, Brasil.

Luan Lucena Alves

Graduando em Ciências Biológicas, Universidade Paulista, São Paulo, Brasil.

Raphaella Ingrid Santana Oliveira

Professora no Centro Universitário Estácio de Sergipe, Graduada em Biomedicina, Mestre em Biotecnologia Industrial, Universidade Tiradentes, Aracaju, Brasil.

Lorena Xavier Conceição Santos

Professora no Centro Universitário Estácio de Sergipe, Graduada em Ciências Biológicas, Mestre em Saúde e Ambiente, Universidade Tiradentes, Doutora em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, Brasil.

Larissa Maria Freire de Melo

Graduanda em Biomedicina, Centro Universitário Estácio de Sergipe, Aracaju, Brasil.

Stephanie Sophia Rodrigues dos Santos

Graduanda em Biomedicina, Centro Universitário Estácio de Sergipe, Aracaju, Brasil.

Miryan Santos Silva

Graduanda em Enfermagem, Centro Universitário Estácio de Sergipe, Aracaju, Brasil.

Mylena Martins Dantas

Graduada em Biomedicina, Universidade Tiradentes, Graduanda em Enfermagem, Centro Universitário Estácio de Sergipe, Aracaju, Brasil.

Publicado

2021-02-01

Como Citar

Lucena Alves, L. ., Lucena Alves, L. ., Santana Oliveira, R. I. ., Xavier Conceição Santos, L. ., Freire de Melo, L. M. ., Rodrigues dos Santos, S. S. ., Santos Silva, M., & Martins Dantas, M. . (2021). Avaliação de metais pesados e poluentes ambientais no Rio do Sal (Nossa Senhora do Socorro - SE) e seu impacto na saúde humana. Saúde Coletiva (Barueri), 11(61), 5006-5017. https://doi.org/10.36489/saudecoletiva.2021v11i61p5006-5017

Edição

Seção

Artigos Científicos